Forania: 2

Paróquia Santa Adélia

Pároco

Pe. Eduardo Aparecido Braga

Horários

Celebração Eucaristica

Quarta

19h30

Sábado

17hrs e 19hrs

Domingo

07hrs - 09h30 -19hrs

Comunidades e Capelas

1ª Terça-feira: Capela de São Vicente Ferrer
2ª Terça-feira: Capela Santa Rosa de Lima
3ª Terça-feira: Comunidade Santo Antônio
4º Terça-feira: Capela São Vicente de Paulo

Horários

Confissões

Terça

08hrs às 11hrs e das 13hrs às 17hrs

Quarta

08hrs às 11hrs

Sábado

08hrs às 11hrs
Informações

Secretaria Paroquial

Praça Ademar de Barros s/n

(17) 3571-4285

paroquiasantaadelia@hotmail.com

Horário de Funcionamento

Segunda a Sexta:
08h00 às 11h00 das 13h00 às 17h00

Sábado:
8h00 às 11h00

Redes Sociais

Sobre

A Paróquia

No ano de 1910, para atender as necessidades espirituais do distrito de Santa Adélia, que pertencia a Comarca de Taquaritinga, foi construída uma Capela.
Esta pertencia a Paróquia São João Batista de Ariranha, cujo vigário celebrava a Eucaristia e demais Sacramentos.

A padroeira Santa Adélia foi escolhida quando Dr Luiz Dumont, ao separar as terras para se tornar cidade, desejou colocar como nome da cidade o nome de uma das suas filhas, Adélia.[bg_collapse view=”link” color=”#ff0000″ icon=”eye” expand_text=”Continuar lendo…” collapse_text=”Continuar lendo…” inline_css=”font-weight: 700;” ]
Por isso a escolha da Padroeira e da cidade. Na época, Diocese de São Carlos, Dom José Marcondes resolveu separá-la de Ariranha.
No dia 25 de Junho de 1916 cria-se a Paróquia Santa Adélia tendo como padre o frei Pedro Gimenez. Ao tomar posse padre Pedro achou uma pequena Capela onde cabiam 50 pessoas; achou também muita frieza e indiferença religiosa no município, assim registra o padre no livro de Tombo.

Em 1921 foi lançada a primeira pedra para a construção da Matriz com a direção do Padre Leão. Com incansável esforço o padre quer ver a nova igreja ao menos levantada. Isso foi possível em 1925.
Após a construção o próximo padre, Frei Estevão, trabalhou o aspecto espiritual da paróquia. Nesse período é fundada a Pia União das Filhas de Maria e dois meses depois o Apostolado da Oração.
Em 1933 começa a construção da capela de Vila Botelho dedicada a Santa Teresinha, o Altar para São José e Nossa Senhora em Ururaí e a conclusão da construção da Matriz.

Nesta época a paróquia passou a pertencer a nova Diocese de São José do Rio Preto. Em Junho de 1937 houve a inauguração do Distrito de Santa Rosa com a primeira Comunhão de 38 crianças do local. Muito dos frutos foram colhidos pelo esforço da comunidade e dos padres que por aqui passaram.

Merece destaque o Padre Nicolau Miranda que no dia 15 de Dezembro de 1948 institui o Dia Litúrgico da Padroeira Santa Adélia para o dia 16 de Dezembro. No dia 15 de outubro de 1967 foi concluída e dedicada a Capela Nossa Senhora Aparecida por Dom Lafayete acompanhado pelo Padre Synval Januário.
A Diocese de Rio Preto ganha o novo bispo em 1968: Dom José de Aquino. Dois anos depois a Paróquia é desmembrada de Rio Preto e passa a pertencer a Diocese de Jaboticabal. Dom José Varani visita Santa Adélia e os distritos.[/bg_collapse]